cpqd

CPQD e E-volve têm cinco startups no Programa IA2 do MCTI

Share:

Compartilhe

Siga no Google Notícias

 

CPQD e E-volve têm cinco startups na atual fase de aceleração do Programa IA2 do MCTI

Campinas, 10 de fevereiro de 2020 – O Programa IA2 MCTI – iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações com o apoio da Softex que tem o objetivo de fomentar o uso de Inteligência Artificial (IA) para agilizar a evolução tecnológica em áreas consideradas prioritárias – entrou na fase de aceleração. Nessa fase, 30 startups irão conduzir seus projetos em parceria com instituições de pesquisa e desenvolvimento (ICTs) e aceleradoras que tiveram suas propostas aprovadas na primeira etapa do programa. É o caso do CPQD que, em parceria com a aceleradora E-volve, teve cinco startups selecionadas para essa nova fase do Programa IA2 MCTI.

“Na primeira etapa, de pré-aceleração, trabalhamos junto a nove startups, das quais cinco passaram para a fase de aceleração”, conta João Eduardo Ferreira Neto, gerente de Desenvolvimento de Negócios em IA do CPQD. Nesse período, que ocorreu entre setembro e novembro, as startups receberam mentorias tecnológicas e de negócios. Foram, no total, 41 mentorias tecnológicas, com a participação dos times técnicos e de pesquisadores do CPQD, e 21 mentorias de negócios, com os especialistas da E-volve – que também promoveu cinco webinars. 

Na nova fase, que tem duração prevista de seis meses, as startups selecionadas receberão, cada uma, R$ 200 mil – R$ 100 mil do Programa IA2 MCTI e R$ 100 mil de investidores – para o desenvolvimento de seus projetos. Das cinco startups que irão trabalhar em conjunto com o CPQD e a E-volve, duas atuam na área de saúde: Caren, do Rio de Janeiro, e Predict Vision, instalada em São Paulo. As outras startups selecionadas são InCeres, que tem foco no agronegócio; Data Machina, com atuação na área de cidades inteligentes, e a Quattro, na área de logística.

Dividido em quatro fases, o Programa IA2 MCTI envolve todo o ecossistema de inovação do país: empresas interessadas em testar tecnologias de IA, aceleradoras, instituições de pesquisa da área de Tecnologia da Informação e Comunicação (ICTs), startups, grupos de pesquisa e empresas de TI. As quatro áreas consideradas prioritárias, contempladas no programa, são agronegócio, saúde, indústria e cidades inteligentes. E é com o objetivo de acelerar a evolução tecnológica dessas áreas que está sendo incentivado o desenvolvimento de soluções de impacto baseadas em Inteligência Artificial (IA) e em inovação aberta.

 

VEJA TAMBÉM:  CPQD apresenta suas soluções e competências no Futurecom 2019

Sobre o CPQD

Com foco na inovação em tecnologias da informação e comunicação, o CPQD mantém um portfólio abrangente de soluções que são utilizadas nos mais diversos segmentos de mercado, no Brasil e no exterior, e aceleram a geração de valor no processo de transformação digital contribuindo para a excelência operacional das organizações, a transformação da experiência dos usuários, a reinvenção de modelos de negócios, a segurança e conformidade e a criação de novos produtos. Referência tecnológica no país, o CPQD integra o ecossistema de inovação aberta que vem alavancando o empreendedorismo, por meio de sua notória competência em Internet das Coisas, Inteligência Artificial, Conectividade, Blockchain e Mobilidade Elétrica. O CPQD é uma organização privada, com mais de 40 anos, que entrega serviços e desenvolve tecnologias de produtos e de sistemas de missão crítica aderentes às necessidades complexas do mercado. Esses são resultados do seu programa de P,D&I, que é a base para inovação em seus temas estratégicos no futuro das cidades inteligentes, do agronegócio inteligente e da manufatura avançada. O CPQD atua em toda a jornada de inovação – da ideia à implementação – e é apaixonado pela tecnologia que gera o desenvolvimento, o progresso e promove o bem-estar da sociedade.

 

 

Relacionados

CPQD CITis
Transformação digital nas cidades são o foco da 2ª edição de evento do CPqD

Desafios da transformação digital nas cidades são o foco da segunda edição do...

SiDi
SiDi está com mais de 80 vagas abertas para profissionais de tecnologia

Compartilhe SiDi está com mais de 80 vagas abertas para profissionais de tecnologia...