Comitê Nacional de Cibersegurança

CPQD e MilSênior desenvolvem solução em saúde baseada no Open Health    

Share:

CPQD e MilSênior desenvolvem solução descentralizada de dados em saúde baseada no conceito Open Health    

Nova solução, que foi testada na operadora MedSênior, tem como objetivo facilitar a portabilidade entre planos de saúde  

 

Campinas, 1.º de fevereiro de 2023 – As tecnologias blockchain e de identidade digital descentralizada são a base de um projeto pioneiro na área de saúde desenvolvido pelo CPQD em parceria com o MilSênior, hub de tecnologia e inovação do grupo MedSênior, que contou com o apoio da EMBRAPII. O principal resultado do projeto foi o produto mínimo viável (MVP) de uma plataforma de dados, em blockchain, que inclui informações relacionadas à saúde de pacientes e tem como objetivos facilitar o compartilhamento seguro de dados e a portabilidade entre instituições de saúde diferentes.

Para isso, a intenção do MilSênior é estimular a adesão de outros participantes à nova solução – que foi testada internamente, por três meses, na própria operadora de saúde do grupo. “O diferencial do projeto está na validação da solução em ambiente real, usando a operadora como primeiro case”, ressalta Thiago Maia, líder de Tecnologia e Operação de Saúde do MilSênior. “Mas essa é uma iniciativa de interesse público, com foco na melhoria do atendimento aos usuários, e por isso a ideia é que outras organizações também participem”, acrescenta.

Maia explica que o registro de dados em uma rede blockchain é importante para a operadora de saúde conhecer a realidade, graças à disponibilidade de informações confiáveis, em tempo real e de forma estruturada. “Isso permite evitar disparidades e desperdícios na prestação de serviços de saúde, além de contribuir para a tomada de decisões mais assertivas”, afirma. Já para o usuário do serviço, a principal vantagem é o controle do acesso aos seus dados – cadastrais e médicos – proporcionado pela tecnologia de identidade digital descentralizada. 

VEJA TAMBÉM:  CPQD e Qualcomm desenvolvem solução que coloca A.I em dispositivos IoT

José Reynaldo Formigoni, gerente de Soluções Blockchain do CPQD, destaca que o sistema foi estruturado com base no conceito de Open Health, de modo a facilitar o compartilhamento seguro de dados do usuário – que é o dono da informação – entre os participantes da rede blockchain. “Assim, se o usuário mudar de operadora de saúde, poderá levar os seus dados, como resultados de exames e histórico médico, para o novo prestador de serviço”, explica.

Segundo Formigoni, as autorizações dadas pelo usuário para compartilhamento de seus dados pessoais, assistenciais e laboratoriais ficam armazenadas, de forma criptografada, em uma rede blockchain permissionada Hyperledger Fabric. Os dados só podem ser acessados pelos diferentes atores do sistema com o consentimento do paciente, conforme prevê a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais). Além disso, o projeto conduzido pelo CPQD incluiu o desenvolvimento da solução de identidade digital descentralizada – para pacientes, colaboradores da operadora e terceiros – e da carteira digital, bem como a governança dessa Rede Descentralizada de Dados em Saúde (RDDS).

Thiago Maia conta que, na prova de conceito realizada internamente na MedSênior, foram utilizadas informações criptografadas de exames laboratoriais de pacientes atendidos pela operadora. “A ideia é incluir no banco de dados também resultados de exames de imagem, receituários médicos, comorbidades e informações referentes a internações de pacientes, de forma a ampliar o conhecimento sobre seu histórico de saúde. Além disso, a iniciativa prevê a disponibilidade de acesso do usuário ao sistema e a abertura da Rede Descentralizada de Dados em Saúde para a entrada de outros players”, conclui o executivo.

 

Sobre o CPQD

Com foco na inovação em tecnologias da informação e comunicação, o CPQD mantém um portfólio abrangente de soluções que são utilizadas nos mais diversos segmentos de mercado, no Brasil e no exterior, e aceleram a geração de valor no processo de transformação digital contribuindo para a excelência operacional das organizações, a transformação da experiência dos usuários, a reinvenção de modelos de negócios, a segurança e conformidade e a criação de novos produtos. Referência tecnológica no país, o CPQD integra o ecossistema de inovação aberta que vem alavancando o empreendedorismo, por meio de sua notória competência em Internet das Coisas, Inteligência Artificial, Conectividade, Blockchain e Mobilidade Elétrica. O CPQD é uma organização privada, com 46 anos, que entrega serviços e desenvolve tecnologias de produtos e de sistemas de missão crítica aderentes às necessidades complexas do mercado. Esses são resultados do seu programa de P,D&I, que é a base para inovação em seus temas estratégicos no futuro das cidades inteligentes, do agronegócio inteligente e da manufatura avançada. O CPQD atua em toda a jornada de inovação – da ideia à implementação – e é apaixonado pela tecnologia que gera o desenvolvimento, o progresso e promove o bem-estar da sociedade.

VEJA TAMBÉM:  ITÁPOLIS RECEBE CINEMA ITINERANTE

 

Relacionados

SecurityGen
Demanda por segurança cibernética para 5G impulsiona negócios da SecurityGen

Demanda por segurança cibernética para 5G impulsiona negócios da SecurityGen Especialista em segurança...

Furukawa
Furukawa lança solução LTE para redes privadas de longo alcance

Compartilhe Furukawa lança solução LTE para redes privadas de longo alcance São Paulo,...