Setor de energia

ABCD: Compartilhamento de informações sobre fraudes ajuda eco financeiro

Share:

Compartilhamento de informações sobre indícios de fraudes é positiva e tende a beneficiar todo ecossistema financeiro, afirma ABCD 

Iniciativa do Banco Central foi formalizada na Resolução Conjunta nº 6 em maio deste ano 

São Paulo, 4 de setembro de 2023: Atuando fortemente no combate aos golpes financeiros e contribuindo para os debates relacionados ao tema, a Associação Brasileira de Crédito Digital (ABCD), entidade que representa as fintechs de crédito, avalia que o compartilhamento de dados e informações sobre indícios de fraudes por parte das instituições financeiras, estabelecido pela Resolução Conjunta nº 6 do Banco Central, que entra em vigor em 1º de novembro, tende a beneficiar o ecossistema como um todo, além de atender a uma demanda antiga do mercado. 

Na visão de Claudia Amira, diretora-executiva da ABCD, a iniciativa representa mais um ação voltada para a modernização do sistema financeiro, que é a base da Agenda BC#, com potencial para favorecer tanto provedores e tomadores de crédito. 

“Ao contar com uma base única de dados, alimentada e consultada pelas instituições, o mercado dá um passo importante para fazer frente às fraudes. Do lado de quem busca recursos financeiros, a medida promoverá um setor com menor incidência de golpes. Na outra ponta, as empresas provedoras de crédito tendem a reduzir custos relacionados à observância e contratação de ferramentas específicas para mitigar o problema, além da diminuição de perdas financeiras”, analisa Claudia. “A ABCD, inclusive, já está em contato com as fornecedoras da solução que possibilitará o compartilhamento dos dados para entender qual delas melhor atende ao mercado”, adianta a executiva. 

Desde julho de 2022, a Associação Brasileira de Crédito Digital e suas associadas promovem uma campanha que inclui a veiculação intensiva de orientações de segurança nas redes sociais e sites da entidade e das fintechs participantes para ajudar os clientes a não cair em golpes. “Essa é uma pauta sempre presente em nossas conversas com o Banco Central porque apenas o monitoramento e a denúncia de endereços eletrônicos e números de telefone envolvidos nas práticas criminosas não surtem o efeito desejado, já que os fraudadores são muito versáteis e rápidos. Daí a importância da Resolução Conjunta para o setor”, finaliza a diretora-executiva da ABCD. 

VEJA TAMBÉM:  CPQD lança iniciativa voltada ao desenvolvimento de startups

 

Sobre a ABCD

A ABCD (Associação Brasileira de Crédito Digital) é uma associação sem fins lucrativos de âmbito nacional formada por fintechs que oferecem produtos e serviços financeiros. Em franco crescimento no Brasil e no mundo, as fintechs estão mudando a dinâmica do mercado de crédito. São três os objetivos principais da ABCD: busca de maior eficiência no ciclo de crédito, fomento de iniciativas que propiciem o desenvolvimento do mercado de crédito digital no qual as fintechs associadas atuam e criação de relacionamento institucional consistente com os reguladores e demais agentes do ecossistema do crédito.

 

 

 

Relacionados

anamaco
Anamaco, EGEA e Quod firmam parceria para fornecer análise de crédito

Anamaco fecha parceria com EGEA e Quod para fornecer análise de crédito robusta...

ANBC
Agropecuária enfrenta barreiras à expansão do crédito

Fundamental para a economia do país, agropecuária enfrenta barreiras à expansão do crédito,...